Os concursos públicos da Região Norte

O Globo

A Região Norte é a que, no momento, tem o menor número de concursos públicos com inscrições abertas. O destaque é a seleção da Polícia Federal, para os cargos de delegado, escrivão e perito criminal, que havia sido suspensa por determinação do Supremo Tribunal Federal para que fossem disponibilizadas oportunidades para pessoas com deficiência em todos os cargos. Há vagas para todos os estados da região. No total, contando com as da Polícia Federal, são 657 vagas, com salários entre R$ 770,96 e R$ 14.037,11.

POLÍCIA FEDERAL – O Departamento de Polícia Federal reabriu as inscrições e a retificação das normas dos concursos para os cargos de escrivão, delegado e perito criminal. São 600 vagas, com 34 reservadas aos candidatos com deficiência, não havendo formação de cadastro de reserva. Os selecionados serão lotados nos estados do Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima, todos na Região Centro Oeste, além de Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, e unidades de fronteira. A inscrição pode ser realizada pelo site do Cespe/UnB, em links específicos para cada cargo, até 3 de junho. Os candidatos que já a efetuaram e que desejarem alterar a cidade de realização da prova ou a concorrência como candidato com deficiência deverão fazê-lo no mesmo período, pelo site do Cespe/UnB. Aqueles que ainda não realizaram o pagamento da taxa têm até o dia 18 de junho para concluí-la. O cargo de escrivão tem 350 vagas, sendo 18 reservadas para candidatos com deficiência, e requer graduação em curso de nível superior em qualquer área. A remuneração é R$ 7.514,33 e a taxa é R$ 125. Para o cargo de delegado, com 150 vagas, das quais oito são reservadas para candidatos com deficiência, é preciso ter diploma de graduação em direito. A remuneração é R$ 14.037,11 e a taxa é R$ 150. Já para o cargo de perito criminal são oferecidas 100 vagas, sendo oito para portadores de deficiência, distribuídas em 13 áreas, listadas no edital. A remuneração é R$ 14.037,11 e a taxa de participação é R$ 150.

CONSELHO REGIONAL DE CONTABILIDADE DO AMAZONAS – O órgão vai preencher seis vagas e formará cadastro de reserva em cargos de todos os níveis de escolaridade. Os salários vão de R$ 770,96 a R$ 2.163,83. As inscrições devem ser feitas pelo site do Instituto Quadrix, até 27 de junho. As taxas vão de R$ 30 a R$ 50. Os cargos são de auxiliar de serviços gerais, assistente administrativo, assistente de contabilidade, motorista, assessor jurídico e contador. As vagas são para Manaus. A prova objetiva será realizada na cidade de Manaus na data provável de 7 de julho, no turno da tarde.

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE RONDÔNIA – Serão preenchidas 26 vagas em cargos de nível médio e superior. Os salários variam de R$ 2.335,29 a R$ 4.397,01. Os cargos de nível superior são para analista de informática, auditor de controle externo nas especialidades de ciências contábeis, direito economia, engenharia florestal, engenharia civil, ciências da computação, e contador. As vagas de nível médio são para agente administrativo. Os profissionais ainda vão receber vale-transporte de R$ 197,10, auxílio saúde condicionado de R$ 159,75, auxílio saúde direito de R$ 540,88 e vale-alimentação de R$ 700. Os interessados podem se inscrever no site do Cespe/UnB, até 3 de junho. As taxas são de R$ 50 para nível médio e R$ 90 para nível superior. O processo de seleção terá duas fases. A primeira é de provas objetivas e ocorrerá para todos os cargos. Já a segunda fase, de provas discursivas, será apenas para o cargo de auditor de controle externo. Todas as etapas serão realizadas em Porto Velho. As provas serão aplicadas na data provável de 18 de agosto.

CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DE RORAIMA – A corporação abriu concurso para 25 vagas no Curso de Formação de Oficiais Combatentes. Os aprovados no concurso entram como cadetes do 1º ano. São 21 vagas para homens e quatro para mulheres. Durante o curso de formação, o cadete do 1º ano receberá bolsa de estudo bruta mensal no valor de R$ 4.113,36 para custeio de todas as despesas decorrentes do curso, bem como deverá providenciar aquisição de fardamentos, equipamentos, acessórios e material didático, exigidos para o curso. Ao término do curso, os aprovados no curso serão declarados à função de aspirante bombeiro militar e receberão a remuneração bruta de R$ 4.708,93. Os candidatos devem ter curso superior completo em qualquer área de formação, idade entre 18 e 35 anos até a data de matrícula no curso de formação, altura mínima de 1,60m para homens e de 1,55m para mulheres, além de carteira nacional de habilitação categoria B no mínimo. O Curso de Formação de Oficiais Combatentes Bombeiro Militar (QOCBM) terá a duração de no mínimo de 3 anos, a ser realizado na Academia de Polícia Integrada Coronel Santiago e/ou outro local, de acordo com a necessidade da administração pública. As inscrições devem ser feitas até 10 de junho, no site da Universidade Estadual de Roraima. A taxa é de R$ 100. O concurso terá prova objetiva, exames médicos, odontológicos, toxicológicos e de aptidão física, avaliação psicológica e investigação social. A prova objetiva será realizada em etapa única, no dia 14 de julho.

Deixe um comentário